quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Amor de Pai

"Meu Deus e meu querido papai..
Paizinho obrigada por me amar e morrer por mim, por me dar a vida, por estar comigo e me ajudar a levantar nos momentos de fragilidade.
Quero te agradecer por me presentear com a vida, verdade e amor. 
Por me dar um lindo dia, uma família maravilhosa, comida, minha cama, água quentinha, um cachorro, livros, saúde, amigos etc.
Hoje eu descobri a importância de ser inteligente e não se gabar de ser sábia, ser humilde e não se achar heroína. Obrigada por esse dia maravilhoso"
                  Em Nome de Jesus
                                 Amém

Transborda de alegria meu coração ao saber que essa oração é de uma menina de 10 anos..
Alguém que tão novinha já conhece profundamente o significado de ver em Deus um pai amoroso.
Qual a imagem você tem de Deus?
Alguém Soberano sentado em um Trono muito distante com poderes para decidir a vida das pessoas?
Ou Um Deus justo e amoroso que te ama como um pai?
Você sabia que a forma com que você se relaciona com seu pai terreno reflete a forma com que você se relaciona com Deus???
Deus criou o mundo em  uma majestosa demonstração de amor, poder e propósito, culminando com o homem feito á sua imagem. Isso revela a pessoa e a natureza de Deus que é Criador, Sustentador, Juiz e Redentor.
Para entender os livros da Biblia temos que saber com que povo Deus está falando.
No Velho Testamento lemos como  Ele instituiu os dez mandamentos . Ele estava ensinando a Israel a importância da responsabilidade. Quando obedeciam as condições da Lei, Ele os abençoava do contrário Ele os punia ou permitia que calamidades acontecessem. Alguns podem interpretar que o Deus do Antigo Testamento era irado. Acontece que em tudo Ele tem um propósito. Ele usou Moisés com a intenção de levar o povo a santificação numa preparação de mente, corpo e espírito para o encontro com Ele. Deus fundou Israel para ser fonte de verdade e salvação para o mundo. O relacionamento com seu povo era amoroso, porém firme. Deus lidou com Israel como um pai lida com um filho.
Deus não mudou e seus princípios são para todos os tempos. 
No Novo Testamento Sua bondade, amor e misericórdia se manifestam de maneira mais abundante.
Deus se fez homem e viveu entre nós. Jesus não aboliu a Lei, apenas a aperfeiçoou. A ordenança agora é a de amar ao próximo como Jesus ama e não como amamos a nós mesmos.. Que difícil  hein???
Na minha caminhada com Jesus uma das coisas mais difíceis  era ver Deus como pai. Como aquele Deus Onipotente, Soberano, distante poderia ser meu pai?
Um bom pai decide diariamente ser pai, aprecia seus filhos e está sempre presente. Como uma lareira aquecida em uma casa grande, um bom pai é fonte de conforto. Durante a difícil infância e turbulenta adolescência eu não tive um pai presente. Nada de fotos em família, festinhas na escola, apresentação do primeiro namorado, nenhum compartilhamento de histórias de vida . Já adulta eu  tive a felicidade de  descobrir que esse Deus me ama tanto, mas tanto que morreu por mim. Isto abalou meus alicerces. Li em sua Palavra que uma mãe pode esquecer-se do filho que ainda mama e que gerou, porém Deus nunca se esquece de nós.Isaias 49:15.


Caro leitor você não está lendo esta mensagem por acaso. Deus que falar com você de uma forma sobrenatural e trazer cura ao seu coração.
Você sabia que a  forma com que você se relaciona com seu pai terreno é a forma com que você vê Deus.
Pense nisto.
Um bom pai acredita que nenhum preço é alto demais pela redenção de um filho. Não há energia grande demais, nem esforço intenso demais. Um pai andará qualquer distância para achar um filho.
Deus também.
A maior criação de Deus não são as belas paisagens, as sete maravilhas da natureza, o brilho das estrelas; é seu plano para alcançar seus filhos. Deus através de Jesus quer ter um relacionamento pessoal com você.
Ele quer que você acredite que Ele está próximo. 
Quantas vezes você disse: "Deus parece tão distante..se ao menos eu pudesse vê-lo, ou ouvi-lo. Já se sentiu desta forma lutando contra a solidão, desesperado, cheio de pecado e sobrecarregado de problemas? 
Todos fomos feitos a imagem e semelhança de Deus para termos um relacionamento pessoal com Ele. 
Restaure a sua comunhão com o Deus Vivo. 
Perdoe seu pai terreno se te feriu e não te amou como você merecia. Decida perdoar. Perdão é decisão e não sentimento.
Existe um pai amoroso, misericordioso que quer te envolver em um amor incondicional e fazer parte da sua vida.
 A verdadeira Unidade e adoração a Deus se inicia quando confessamos os nossos pecados e aceitamos a Cristo como o único que pode nos redimir do pecado e nos aproximar do perfeito amor de Deus.
Com o coração quebrantado, rendido, perdoado conseguiremos orar como uma criança que verdadeiramente reconhece em Deus um pai.
Hoje eu me sinto protegida, amada e consigo transmitir o amor de Deus para minhas filhas. O ciclo da ferida se fechou. Um novo tempo já começou.


Um grande abraço
Andréa Moraes.





15 comentários:

Tiago Barros disse...

''QUALQUER UM QUE NÃO RECEBER O REINO DE DEUS COMO UMA CRIANÇA,DE MANEIRA NENHUMA ENTRARÁ NELE''
Amados,acho que com o passar dos anos nos deixamos apegar aos bens materiais e esquecemos da verdadeira alegria que temos quando somos crianças e sem saber conversamos com o PAI CELESTIAL,todo tempo,mas há tempo,cada um deve eu seu íntimo levantar um altar de adoração a DEUS e ali voltar a ser como uma criança que com toda sua inocência vence o mal.

Eneas Lara disse...

Oi Andréia tudo na paz? estou passando por aqui e gostei muito, e já sou mais um seguidor teu viu!!! Deus te abençoe ricamente a tua vida, e este teu trabalhar aqui, em nome de Jesus!!!

Andrea Moraes disse...

Amém seja muito bem vindo Eneas..
Paz

Methodist news disse...

O sentimento de uma criança reflete a fé e a comunhão de um modo simples e verdadeiro.É aquela comunhão que não pede explicação, simplesmente crer e obedece.

Adson Lins Santos disse...

Benção! Muito bom! Depois de uma passada pelo www.mapeamentoespiritual.blogspot.com.br
Paz

Palavra Abençoadora disse...

É verdade, o nosso PAI e tão maravilhoso que Deus seu filho unigênito para morrer por nos, levando assim naquela cruz os nossos pecado, devemos mesmo aprender a perdoar, senão podemos perdoar, como podemos querer o perdão do pai?

visitem: http://palavrabencoadora.blogspot.com.br/

Camila Souza disse...

Achei tão linda esta oração , fiquei imaginando uma linda criança fazendo =).
Super gostei de seu blog, do seu layout e do texto. Vou guardar a ultima frase: "O ciclo da ferida se fechou. Um novo tempo já começou". Seguindo com gosto ! rsrs.
Deus te abençoe querida !

Andrea Moraes disse...

Agradeço.. amados do Senhor
Graça e paz...

Robson Moreira disse...

Muito legal! O amor do pai sempre alcança as pessoas primeiro ; um exemplo disse o pai do filho prodigo: "ele correu para abrça-lo."

Assim é Deus seu amor sempre é mais rapido que as nossas escolhas.

Fica na paz

Robson Moreira - Na verdade e no amor de Cristo

Anônimo disse...

Lindo "vaso"Andrea! Essa oração e o texto veio ser confirmação da experiencia atual que estou tendo com nosso pai criador!Deus aumente a cada dia essa essencia em ti!bju priBarnabela

Andrea Moraes disse...

Glória Deus. O Objetivo do blog é esse mesmo..nos levar a refletir sobre assuntos que envolvem nossa caminhada com Cristo. Ele quer que venhamos a dar frutos e para isso precisamos nos desfazer de toda bagagem pesada que nos impede de avançarmos, falta de perdão, ressentimentos, medo, incredulidade,soberba, idolatria.. ...e prosseguir rumo ás suas Promessas..paz

António Jesus Batalha disse...

Meus amigos irmãos, passei pela net visitando vários blogs, e encontrei o vosso belo e excelente blog, não li muita coisa, mas o suficiente para ver que pelas suas palavras aqui expressas, é um ser que ama o mesmo Deus, e que deseja servi-lo e honra-lo, e isso para mim é mais que motivo de alegria. Quero deixar-lhe um convite. Mas faça-o apenas se desejar: Facaria radiante se fizesse parte dos meus amigos virtuais em meu blog . O Peregrino e servo. Decerto que irei retribuir seguindo também o vosso blog, não sou das pessoas que dizem que vão seguir e depois não seguem. Obrigado pela atenção. Deixo a paz de Jesus.
Antonio Batalha.

Andrea Moraes disse...

Agradeço a visita Antonio..
Paz

Josebias D. Onorato disse...

Graça e Paz Andrea!!!

Cada vez com coisas que mexem com a gente, hein? Definir nosso Deus como Pai, pertencem às coisas inefáveis!!!
Meu Pai, meu Papai, meu Papaizão, o que posso falar de Ti?
Bom, escondo-me atrás daquela sincera oração.

Sempre em Cristo,

Dc Josebias.
http://josebiasonorato.blogspot.com.br/

António Jesus Batalha disse...

Olá , passei pela net encontrei o seu blog e o achei muito bom, li algumas coisas folhe-ei algumas postagens, gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns, e espero que continue se esforçando para sempre fazer o seu melhor, quando encontro bons blogs sempre fico mais um pouco meu nome é: António Batalha. Como sou um homem de Deus deixo-lhe a minha bênção. E que haja muita felicidade e saude em sua vida e em toda a sua casa.
PS. Se desejar seguir o meu blog,Peregrino E Servo, fique á vontade, eu vou retribuir.